Autora: Lu Muniz 
Editora: Asè Editorial
Número de páginas: 279
Onde comprar: Amazon 
Classificação: 



Olá, pessoal!! Tudo bom com vocês?

Hoje eu trago para vocês um romance que é só amor.  Esse livro é o segundo volume da duologia "Doce inocência - Outro Olhar Sobre o Seu" é um livro que você não quer que acabe tão cedo, que a cada parágrafo concluído, a cada página virada se torna um aperto no coração, pois sabemos que essa história esta chegando ao final.  Sem mais de longas, vou contar um pouco da história para ficarem ambientados com o enredo. Lembrando que pode conter spoiler do primeiro volume.

      Nesse livro vamos voltar a mergulhar no mundo do Ivan e da Francine. Após aquele final tempestuoso e super incerto do relacionamento do casal, temos um retorno do personagem Ivan e a descoberta da filha que a Francine escondeu durante  toda a gestação e o nascimento.

         Logo de cara já nos perguntamos como será a reação do Ivan e como  Francine conseguiu persuadir toda a família para que  compactua-se com o seu desejo de não contar para o Ivan da gravidez e todo esse segredo se dá ao fato de estar sofrendo, magoada e com rancor  por causa da cena que viu no aeroporto. Como toda escolha há consequência, Ivan e Francine aprenderam a duras penas o caminho certo. Esse livro nos traz toda as respostas que o primeiro volume deixou em aberto. para não ter spoilers vou parar por aqui, afinal a graça de ler é ser pego de surpresa e esse livro faz muito bem esse papel.




Autora: Cassandra Clare
Editora: Galera Record
Número de páginas: 476

Classificação: 
Onde comprar: Saraiva | Amazon


      Olá, pessoal!

      Confesso que demorei MUITO para ler esse livro. Quando não gosto muito da leitura eu demoro para terminar de ler. Mas da metade do livro pra frente comecei a gostar, e a leitura fluiu melhor, mas mesmo assim acabei não gostando tanto quanto achei que iria gostar.


      Cidade dos ossos é o primeiro livro de uma saga. Muitas pessoas consideram esse livro muito parecido com Harry Potter e também achei parecido com Percy Jackson. 


      A história começa quando Clary e seu melhor amigo Simon, vão em uma balada chamada Pandemônio. Lá, Clary vê três pessoas matando um adolescente e se desespera, mas ninguém mais viu o assassinato. Na verdade, o que ela havia visto eram três caçadores de sombras matando um demônio, que é a função deles, mas eles não podem ser vistos por humanos comuns. Clary encontra Jace (um dos caçadores de sombra) em um bar um tempo após o acontecido no Pandemônio, e recebe uma ligação de sua mãe desesperada, dizendo para que ela não voltasse para casa. Percebendo que havia algo de errado, Clary volta para casa com Jace e não encontra sua mãe lá, encontra apenas um demônio. 

    Cassandra Clare é muito detalhista em sua narrativa, o que pode fazer com que as descrições fiquem um pouco exageradas e desnecessárias, deixando o desenvolvimento da história muito lendo, e isso já é péssimo em qualquer livro, e é ainda pior se tratando de um primeiro livro de saga. Não gostei tanto assim do livro e fiquei triste porque fui com muita expectativa, e ainda não sei se vou continuar com essa saga ou não. Já vi muita gente falando que as Peças Infernais são muito melhores que os Instrumentos Mortais, e agora estou na dúvida se continuo lendo Os Instrumentos Mortais, ou se leio As Peças Infernais ou se desisto de vez da Cassandra Clare. Ficarei muito feliz se alguém puder me dar uma luz nos comentários. 





Olá, Galera!!! tudo bem??

Autora: Thati Machado
Editora: Independente
Número de páginas: 90
Onde comprar: Amazon 
Classificação: 



          Hoje vim trazer para vocês um conto muito amorzinho. Esse conto é um spin - off de outro conto que se chama "Com Outros Olhos" da autora Thati Machado. A Thati  além de ser blogueira do "Nem te conto!" tem algumas obras disponíveis na Amazon entre elas o livro "Poder extra G" que inclusive vocês encontram nas livrarias. Bora lá saber um pouco da história e o que eu achei? 

            Nesse conto vamos conhecer a história de amor entre Leo e Davi, dois garotos que se completam e que são apaixonados um pelo outro. No entanto, Leo é aquele personagem que quer gritar para todos que está complemente apaixonado por Davi, e  não quer esconder esse sentimento lindo que é o amor, principalmente depois de um acidente que sua irmã sofreu que a deixou cega, pois percebeu a partir desse momento que a vida é um sopro e precisamos viver cada segundo. Já o Davi tem medo de se expor para todos de gritar o amor que sente pelo Leo, pois teme que seus pais não aceitem o relacionamento e possam acabar fazendo alguma coisa para separarem os dois. Leo percebendo toda a angústia do seu parceiro resolve tirar uns dias a sós com ele e seus amigos da faculdade em um acampamento, mas mal sabe ele que é a partir desse dia nesse acampamento que suas vidas sofreram uma reviravolta e o relacionamento pode ficar em risco.



Autora: Luiza de Castro
Editora: Chiado
Número de páginas: 41
Classificação: 
Onde comprar: Chiado


      Olá pessoal! Mais uma resenha hoje e dessa vez da nossa parceira Luiza de Castro! Após a resenha nossa querida parceira respondeu algumas perguntinhas super legais, não deixem de conferir! 

   Castelos de Areia é um livro super fininho, mas com assuntos muito importantes. A diagramação dele é bem confortável e as páginas são amareladas. É uma escrita muito poética e rápida de ser feita, dá pra ser lido em apenas uma hora.

      Neste livro acompanhamos a história de Júlio, desde sua infância até sua vida adulta. Um garoto que já sofria bastante pela falta do pai, que abandonou sua mãe e esta teve que cria-lo sozinha, mesmo sem saber muito bem como fazer isso. Mas, infelizmente, a mãe de Júlio vem a falecer quando ele é apenas uma criança. Júlio então, cresce com muita tristeza e se torna um adolescente revoltado com a vida e cometendo muitos erros. Parece se esquecer do que é amor e leva uma vida desregrada.



      A escrita da Luiza é muito bonita e em poucas páginas ela conseguiu transmitir a vida inteira de um garoto que já havia sofrido o abandono do pai e ainda por cima deve passar pelo luto da mãe. As decisões que ele toma tornariam qualquer livro pesado, mas a escrita da Luiza é tão bonita e poética que nos faz compreender melhor a vida e os sentimentos de Júlio.




Olá, Leitores!

            Hoje venho trazer mais uma entrevista para o nosso Projeto de Incentivo á Literatura Brasileira. A 3 º edição conta com a leitura do livro "Juntos e sem Destino" da autora Giovana C.Soares e a autora disponibilizou o e-book gratuito, mas é somente hoje 30/04/2017. Venham participar  desse leitura em conjunto e quem sabe ganhar um prêmio ao responder um Quiz. Ah, lembrando que você pode ler esse e-book  pelo App do celular, tablet ou pelo computador. 





Quando seus olhares se cruzaram pela primeira vez, suas mentes recusaram-se a aceitar que o sentimento era mútuo. Leila observava sempre seu amor platônico com outras garotas e decidiu que não seria tão ingênua a ponto de ficar com ele - Mas e se ela tivesse uma chance? - Após uma noite de loucuras, o destino mudou o rumo destes dois para sempre. Eles estavam no local errado e na hora errada.


Após presenciarem um homicídio, tudo se inverteu. Leila jamais esqueceria daqueles olhos verdes que a encararam àquela manhã. Henrique jamais deixaria que algo acontecesse a ela. 

Tentando fazer o que julgavam ser o certo, tornaram-se um alvo em potencial para aquele homem que mostrava em suas atitudes e feições tamanha frieza.

Os dois foram enviados para a Europa, mas sabiam que estavam longe de ter uma vida normal... A realidade pesaria em seus ombros.

Entre viagens e, entre o passado e o presente de nossos protagonistas, surge uma trama envolvente, inconsequente e muito perigosa. Até onde você iria para esquecer o passado? Será que a fuga seria o suficiente para impedi-lo de encontrá-los? Venha descobrir a resposta nessa trama que mexerá com seus sentidos e te deixará completamente à flor da pele.



A autora respondeu algumas perguntas sobre a sua obra. Vamos conferir?




1- Quando apareceu  a ideia dessa  história?

     Juntos e sem Destino surgiu antes mesmo de eu perceber que estava escrevendo um livro, as ideias foram surgindo e tudo o que fiz foi colocá-las no papel...


Autor: Shonda Rhimes
Editora: Best Seller
Número de páginas: 256
Classificação: 
Onde comprar: Saraiva | Amazon | Submarino

Olá pessoal!

      Estava com muita vontade de ler este livro desde que fiquei sabendo da sinopse. Não chega a ser um livro de auto ajuda, mas é um livro motivacional que pode nos ajudar a melhorar a forma que estamos vivendo, e escrito nada mais, nada menos do que pela querida Shonda Rhimes. Neste livro, ela nos motiva, ensina e aconselha, tudo isso contando sobre sua própria vida, ela faz questão de nos contar que este livro não se trata de uma biografia, mas sim de uma história. 

     Ela nos conta como conseguiu chegar onde está (roteirista, cineastra, produtora de televisão e criadora da ShondaLand - envolvida com os seriados Grey's Anatomy, Private Practice, Scandal e How To Get Away With Murder). Quem assiste a série e vê como Shonda é hoje, não acredita que ela já foi uma pessoal extremamente insegura e que tinha muita dificuldade em aceitar participar de entrevistas e programas de televisão. O livro inteiro é como se fosse uma conversa com Shonda. Ela nos conta como decidiu dizer "sim" para todas as oportunidades que normalmente diria "não" por medo do que poderia acontecer e como isso mudou sua vida e a vida de muitas pessoas a sua volta.

      Shonda trata de assuntos como feminismo, autoimagem, obesidade e autoestima de uma maneira muito simples que fez com que eu me identificasse muito com ela. O livro nos motiva do começo ao fim, porque ela não trata apenas dos pontos positivos e tudo de bom que aconteceu depois que decidiu dizer "sim", mas ela nos mostra as dificuldades, os pensamentos negativos, o medo e a vontade de desistir. Mesmo sendo extremamente ocupada com seu trabalho que requer muita atenção e muito tempo, ela nos conta que não faz tudo isso sozinha e requer muita ajuda. 

      Enfim, se você está precisando de motivação, esse livro é super recomendado mesmo que você ainda não tenha assistido aos seriados (que também são super recomendados). Deixe nos comentários se você já leu ou pretende ler este livro.  








Olá, leitores!! Tudo bem com vocês?

Hoje trago para vocês a TAG "Frases de mãe". Essa TAG, eu encontrei no blog "Leitora Cretina", eu achei uma TAG muito divertida e bem tranquila de responder. Espero que vocês gostam. Bora lá ? 





1. EU VOU CONTAR ATÉ TRÊS...
Um livro que você não via a hora de acabar.

       O livro que eu não via a hora de terminar é o  "O Corcunda de Notre Dame", não por ser um livro ruim, mas porque é uma obra bem descritiva e para mim acabou sendo cansativa.





2. SE VOCÊ FALAR ISSO DE NOVO, TE ARREBENTO OS DENTES!

Um livro que você não suporta que falem mal.

        Eu acho que cada leitor tem uma opinião sobre determinada obra, então cada um tem que ser sincero e falar de forma respeitosa o porquê não gostou do livro.


3. SE VOCÊ CORRER VAI SER PIOR!

Um livro que você corre dele, mas sabe que um dia vai ter que ler.

       Nunca li nada do Stephen King, porém morro de vontade de conhecer suas obras e uma história que falam bem, mas que eu sempre fico adiando é o livro "It - A Coisa". A quantidade de páginas me assusta um pouco e por não ter lido nenhum livro do autor fico com medo de já começar com esse calhamaço.





4. VEM COMER SE NÃO ESFRIA!

Um livro que você leu logo que lançou.

Categorias:

A Garota No Trem     
Autora: Paula Hawkins
Editora: Record
Número de páginas: 378
Classificação: 
Onde comprar: Saraiva | Amazon | Fnac

      Olá pessoal!

      Hoje trouxe a resenha desse livro que estava super curiosa para ler! 

     Em "A Garota no Trem" conhecemos Rachel, que vive uma situação muito ruim. Ela se divorciou devido a uma traição, seu ex-marido mora em sua antiga casa com a amante que acabou de ter uma filha dele, e mais: ela é alcoólatra. A vida de Rachel é bem parada, ela está desempregada, mas para disfarçar isso, ela mente para sua colega de quarto e todos os dias pega o trem no mesmo horário em que iria trabalhar e também sempre volta no mesmo horário. Tudo o que sempre sonhou em ter parece que nunca vai acontecer, por isso ela se tortura com as lembranças e bebe muito devido a tudo o que passou com seu ex-marido. As vezes, quando bêbada, liga de madrugada para a casa de seu ex-marido Tom e aparece na casa deles fazendo escândalo, tentando chamar a atenção dele.

       Sua casa antiga está na rota que o trem faz, para evitar olhar para lá e ver a nova família de Tom, ela acaba olhando para uma casa próxima e começa a imaginar como seria a vida do casal que mora ali. Com o passar do tempo, Rachel cria afeto por aquele casal, os chama de Jess e Jason, imagina diálogos e até mesmo a profissão que eles devem ter. Até que um dia, Rachel vê do trem uma imagem que não imaginava que poderia acontecer naquela casa e horas depois, aquela garota, que neste momento descobre se chamar Megan e não Jess, está desaparecida e Rachel acredita que o que ela viu pode contribuir nas investigações para encontrá-la. Porém devido ao seu estado emocional e alcoolismo, ninguém dá muito crédito a ela e ela acaba se envolvendo nesta história mais do que deveria. 

      No início do livro não estava gostando tanto da leitura, a leitura começou a fluir mais a partir do momento em que Rachel descobre sobre o desaparecimento de Megan. Rachel não é uma personagem muito agradável. Devido aos seus problemas, tentamos criar uma empatia com ela, mas isso não funciona. Mas acredito que isso foi proposital da autora, pois isso nos mostra o quanto as pessoas com esse tipo de vício são vistas e desacreditadas. O livro é narrado sob três perspectivas: a da protagonista Rachel; a da atual esposa de Tom, Anna; e a mulher que Rachel observa: Megan. As três tem características bem diferentes uma da outra e é muito interessante a forma com que as histórias se interligam. image

      Eu esperava um final um pouco melhor, mas acredito que o livro cumpriu tudo o que foi proposto. O alcoolismo foi muito bem abordado, alguns capítulos em que Rachel acorda de ressaca sem se lembrar do que aconteceu na noite passada são confusos exatamente como a mente de uma pessoa naquela situação deve ser. O que aproxima muito o livro da realidade e deixa tudo mais fiel, tornando a própria Rachel uma suspeita do desaparecimento de Megan. Dei apenas 3 estrelas para esse livro devido ao final, porque acho que o livro deveria ter seguido por outro rumo que seria muito mais interessante e marcante. Mas o livro trata bastante sobre ilusões, aparências, confiança e decepção.  image

Dia de chuva gif